Por que buscar uma assessoria jurídica?

Por Valério de Castro Neto   É de conhecimento geral que prevenir é melhor do que remediar. Quando se fala de empresas isso não muda – é muito mais fácil evitar possíveis problemas do que efetivamente resolvê-los. Uma boa maneira de evitar esses problemas é por meio de uma assessoria jurídica. Assessoria jurídica nada mais Read more about Por que buscar uma assessoria jurídica?[…]

Preciso regularizar o meu negócio?

Conversando com seu amigo sobre a falta de bons marceneiros, João teve a ideia de abrir seu próprio negócio para a prestação deste tipo de serviço. Depois de muito pesquisar, ele decidiu que de fato iria abrir este negócio, mas por onde João deve começar?     Bem, a primeira coisa que João precisa fazer Read more about Preciso regularizar o meu negócio?[…]

O que não pode faltar em seu contrato?

Por Marcel Oliveira Os contratos se caracterizam como a principal fonte de relações obrigacionais do mundo moderno, firmando negócios jurídicos bilaterais nos quais há o acordo de duas ou mais manifestações de vontade com o objetivo de criar, modificar ou extinguir direitos. Por primarem pela autonomia da vontade, os contratos estabelecem uma verdadeira “lei” entre Read more about O que não pode faltar em seu contrato?[…]

5 coisas que você deveria saber sobre o Simples Nacional

Por Rayane Patriota  Instituído pela Lei Complementar nº 123 de 2006, o Simples Nacional confere um tratamento tributário diferenciado e favorecido às microempresas e empresas de pequeno porte. O primeiro passo para compreender o funcionamento do Simples é entender quem pode fazer parte – empresas de com receita bruta anual de até 4 milhões e Read more about 5 coisas que você deveria saber sobre o Simples Nacional[…]

NOTA DE REPÚDIO À ASSEMBLEIA GERAL DO CFH DA UFSC

movimentocontraej

Mais uma vez, a incoerência e a mediocridade venceram. A Assembleia Geral do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), realizada no dia 13 de novembro, com 553 pessoas credenciadas, entre estudantes e professores, deliberou, por 329 votos a 160, por não autorizar a criação de empresas juniores no Centro. […]